COMO ESCOLHER O NOME DE DOMÍNIO PERFEITO

Um auxílio de ouro para você entrar no mundo da internet global.

MedianHost, Divisão de Registro de Domínios

Se você possui um negócio, você sabe que cada detalhe de como você se apresenta é crucial. As primeiras impressões contam. Muitas vezes, a primeira vez que um novo cliente vai encontrá-lo é por e-mail ou seu site, e a primeira coisa que eles vêem é o seu nome de domínio.

Já existem 300 milhões de domínios registrados. Então encontrar um que se destaca e representa perfeitamente é vital. Depois de 20 anos de aconselhamento aos clientes sobre o registro de domínios, aqui está o nosso melhor conselho.

1. Você já tem um nome de marca?

Se você já está negociando com um nome de marca, então faz sentido corresponder o seu domínio à marca. Se assim for, você pode querer ignorar a discussão de nome de marcas vs nome genérico e ir diretamente para a etapa 3.


2. Domínios de marca vs genéricos

Existem dois tipos principais de domínios - nomes de marca e genéricos. Um domínio com marca é o nome da sua marca com uma extensão de domínio (.com, .com.br etc.) anexada. Os nomes de marca são palavras de marca registrada que geralmente não são palavras simples em português. Exemplos incluem "Google", "Mazda", etc.

Genéricos, por outro lado, são palavras simples em português como "telefones" ou "canalizadores". Estes também são conhecidos como Domínios de Correspondência Exata (DCEs).

2.1 Os domínios de palavras-chave são bons para SEO?

É perfeitamente legal registrar nomes genéricos DCE como "hidraulicos.com.br" e você pode ser tentado a fazê-lo. Especialmente porque durante anos foi considerado "bom para SEO" fazê-lo.

Jargões de domínios decodificados
  • Extensão de domínio: a parte do domínio que define sua categoria - por exemplo .com, .org ou .com.br. Também conhecido como Domínio de Primeiro Nível (TLD).
  • Domínio de Segundo Nível: a parte do domínio que você escolhe, por exemplo, o bbc em bbc.com.br.
  • Domínio de palavras-chave: um nome de domínio que contém uma palavra que os usuários provavelmente usarão nas pesquisas nos mecanismos de pesquisa.
  • Extensão de domínio internacional: extensões como .ly, .uk, .it, que indicam um país específico.
  • Domínio hack: um nome de domínio onde o TLD e o SLD, considerados em conjunto, formam uma marca reconhecível ou palavra como bit.ly.
  • Palavra genérica: uma palavra simples em português.
  • Palavra não genérica: uma palavra inventada que denota uma marca.

Domínios como hidraulicos.com.br são domínios de palavras-chave, porque contêm uma palavra-chave comumente pesquisada. Especialistas dizem que domínios de palavra-chave transmitem uma vantagem muito pequena no ranking de pesquisa. Mas isto não é suficiente para influenciar sua decisão.

Domínios genéricos são mais difíceis de obter, pois que os melhores foram (quase) todos registrados anos atrás. No entanto, você pode ser capaz de comprá-los no mercado de segunda mão. Experimente mercados de domínio como Sedo ou Flippa e mesmo a MedianHost. Esteja preparado para abrir sua carteira, embora domínios genéricos possam custar muito mais do que domínios de marca comercial, porque eles são tão memoráveis.

O Search Engine Optimization (SEO) é uma arte em constante evolução que ajuda a classificação mais elevada nos resultados de motores de busca como Google e Bing. Usou-se-os para serem os domínios descritos como os "matadores da categoria" como carros.com.br. Mas os algoritmos do Google se desenvolveram desde então e esses domínios de palavras-chave não contam mais.

Um estudo recente descobriu que cerca de dois terços das páginas de topo continham palavras-chave no nome, mas isso variava de acordo com as indústrias. No geral, a diferença é muito pequena e um nome não genérico pode facilmente bater um genérico, desde que o conteúdo do site esteja corretamente composto.


3. Considerações sobre marcas comerciais

Uma vantagem chave de usar um domínio de marca em um domínio genérico é a proteção de marca registrada. As palavras não-genéricas são mais fáceis de serem marcas - desde que as palavras não estejam já em uso.

No Brasil verifique junto ao INPI, Instituo Nacional da Propriedade Industrial, quais são as classes de produtos e serviços nas quais você pode registrar sua marca. Verifique a lista de classificações de marcas para encontrar o que se adequar ao seu negócio. Em seguida, realize o registro da marca escolhida por você.

Para registrar sua marca, você pode usar um serviço de registro de marca on-line ou você pode usar um advogado ou escritório qualificado. Eu recomendo usar um especialista consagrado - custa mais, mas as marcas são uma área jurídica um pouco complexa.

No INPI realize os três registros possíveis para a sua marca: gráfica, lettering e fonema. Assim ninguém poderá registrar sua marca nem registrar outra parecida.

Se você registrou uma marca seu direito de usar o domínio equivalente é reforçado. No entanto, se o seu nome de domínio perfeito já está registrado, você terá que mostrar que você tem direitos de negociação para usar o domínio, que são construídas através de negociação sob a marca e sendo reconhecido com esse nome.

3.1 O próprio nome

Uma vez que você decidiu registrar um nome de domínio genérico ou de marca, é hora de trabalhar no próprio nome. Crie uma lista longa e reduza-a para um mínimo. Obtenha conselhos de um pequeno número de amigos confiáveis ​​que realmente entendem seu projeto. você pode pedir o aconselhamento gratuito da MedianHost.

Os domínios mais curtos são mais fáceis de ler e partilhar. Permaneça sob 12 letras para o efeito máximo. Não só um domínio mais curto será mais fácil de dizer em voz alta para as pessoas através do telefone, redes e apresentações de negócios, mas também será mais legível ao apontar links em sites de redes sociais onde os comprimentos de caracteres são restritos.

  • Evite muitas palavras em seu nome de domínio - duas palavras são o ideal.
  • Evite usar o - separador. É mais difícil de ler e mais difícil de digitar.
  • Evite dígitos, a menos que os dígitos sejam parte integrante de sua marca.

3.2 Ser global

DICA: Se a sua marca ou nome comercial for uma palavra inventada, vale a pena verificar que não significa nada em outras línguas. Não fazer isso pode prejudicar seus planos de dominação global - especialmente se o seu nome acontece ser também uma palavra rude em uma língua diferente. Oops!

Existem mais de 1000 extensões de domínio! Certifique-se de escolher a extensão relevante para o seu negócio.


4. Escolha a extensão de nome de domínio correto

Uma vez que você tenha decidido sobre o nome do seu domínio, é hora de pensar sobre a sua extensão. Será .com, .com.br, .uk, .org, .wales?

Nos últimos anos, o número de extensões de domínio disponíveis aumentou para mais de mil. Aqui estão algumas das opções disponíveis:

  • .boutique
  • .cleaning
  • .club
  • .dental
  • .holiday
  • .pets
  • .online
  • .rocks
  • .shop
  • .is
  • .co
  • .vet

A aceitação dessas extensões alternativas tem sido um pouco lenta e muitas empresas estão aderindo ao .com.br ou .com. Em 2016, 40% dos sites na Europa ainda usavam .com.

4.1 Extensões de domínio internacionais

Depois, existem domínios internacionais como .it (Itália), .fr (França), .ie (Irlanda). Aqui está a lista completa de extensões de domínio internacionais da IANA.


5. Domínio hack

Domínios e extensões podem ser usados ​​em conjunto para sugerir uma marca ou palavra genérica. Isso é chamado de hack de domínio, e é freqüentemente usado por empresas de tecnologia. Por exemplo, .ly é a extensão de domínio internacional para a Líbia. Você pode estar ciente de hacks de domínio famoso, como bit.ly e clever.ly.

Os hacks de domínio podem ser divertidos, memoráveis ​​e inteligentes, mas cuidado! A plataforma Artsy escolheu art.sy como seu nome de domínio em 2011. Mas .sy é a extensão de domínio internacional para a Síria. A desastrosa guerra e as sanções sobre o envio de dinheiro para a Síria forçaram a empresa a mudar de nome.


6. Agora é a hora de registrar o domínio

Agora você encontrou seu nome perfeito, é hora de registrá-lo.

6.1 Onde se registrar?

Escolha uma empresa de registro bem conhecida, como a MedianHost, que tem conexões internacionais e registra domínios em todo o mundo e em todas as extensões possíveis. Realize o registro somente com empresas que têm uma reputação de longa data para manter seus domínios seguros.

6.2 Renovar automaticamente - sim, por favor

Todas as empresas de registro de domínio permitem (e incentivam) a colocar seus nomes de domínio em auto-renovação. Isso significa que seu domínio será automaticamente re-registrado para você quando ele expirar. Eu recomendo fortemente que você não ative a renovação para o modo automático para que você possa ser avisado e decidir se quer ou não renovar seus domínios a cada vencimento e por qual período de tempo você o quer renovar.

6.3 Compre o maior tempo possível

Os domínios podem ser registrados por até 10 anos na maioria dos casos. Para o seu domínio principal eu recomendo que você compre pelo máximo de 10 anos. Isso envia uma mensagem clara para os mecanismos de pesquisa como o Google que você está comprometido com o URL do site, o que pode dar a sua empresa um pequeno impulso nos resultados do motor de busca.


7. Proteja seu território de domínio

Como você se sentiria se descobrisse alguém negociando sob o mesmo domínio que você, usando uma extensão alternativa? Se isso lhe causasse problemas financeiros ou de reputação, vale a pena comprar tantas extensões de domínio quanto você puder pagar. Isso reduzirá o risco de uma disputa feia ou um desafio aos seus direitos de usar seu domínio.

Pelo menos, registre as versões .com, .net e .biz do seu nome de domínio junto com os domínios .com.br, ind.br, por exemplo.

Você pode configurar esses domínios para que qualquer pessoa que os visita seja direcionado automaticamente para o seu domínio principal. Não fique tentado a "alias" de seus domínios para que o mesmo site seja exibidoalém de seu domínio "primário". Isso pode tornar difícil para os motores de busca saber qual é o seu domínio "primário", e isso pode fazer com que seu site perca os rankings dos mecanismos de pesquisa.

O mapeamento mental para restringir sua lista ao nome de domínio correto às vezes pode ser um longo processo! Seja organizado e cool-headed em sua tomada de decisão.


8. Disputas de nomes de domínio

Existem vários cenários onde você pode entrar em disputa com outros proprietários de nomes de domínio. Por exemplo, se você tem uma marca registrada, mas outra pessoa está usando o nome de domínio equivalente. Ou se você está feliz usando um nome de domínio, mas alguém sente que pertence a ele.

Estas situações podem ser desagradáveis, mas felizmente há um caminho a seguir. Cada registrador de domínio tem um processo para classificar disputas, chamado de Dispute Resolution Service. Este processo implica que cada parte estabeleça um caso de por que o domínio deve pertencer a ele. O caso será julgado por um conselho de especialistas independente de acordo com as regras do registrador.

Você terá um argumento mais forte para ganhar uma disputa se:

  • Você tem uma marca que se relaciona muito de perto com o domínio em questão e
  • Não é um domínio de palavra genérica e
  • Você está negociando usando a marca em questão e
  • Você tem negociado extensivamente e construiu uma reputação demonstrável sob o nome e
  • Você começou a operar sob o nome antes que o domínio fosse registrado.

Se a pessoa que registrou o domínio tentou vendê-lo para você ou ameaçar usá-lo contra você, isso também é um ponto a seu favor. Certifique-se de ter evidência de todos os itens acima. Simplesmente afirmando que você tem direitos em um nome de domínio não é suficiente.


9. Conclusão

O nome de domínio correto pode ser um grande trunfo para o seu negócio. Ele pode transmitir confiança, melhorar a sua identidade de marca e ser atraente para novos clientes.

Vale a pena dedicar tempo para encontrar o nome ideal e proteger sua posição por meio de domínios adicionais e obter sua marca registrada.